Laboratório de ciências da saúde

Docente responsável: Isabel de Santiago

Outros Docentes: Fátima Reis, Ana Paula Marrelha, Cristina Carvalho, Luís Saboga-Nunes, Hélder Mota Filipe, Maria Beatriz da Silva Lima e Osvaldo Santos, Faculdade de Medicina; Bruno Sepodes, Matilde Castro, Ana Paula Martins e Nuno Oliveira, Faculdade de Farmácia; Anabela Raymundo, Luísa Louro e Margarida Moldão, Instituto Superior de Agronomia

Objetivos da UC:

A pluridisciplinaridade da unidade curricular lecionada por docentes das Faculdades de Medicina, Farmácia e Instituto Superior de Agronomia da ULisboa assegura a compreensão, discussão e comunicação de temáticas relevantes na área da Saúde, baseadas no desenvolvimento científico e tecnológico a elas associado. Pretende-se familiarizar o aluno com questões relacionadas com políticas e prioridades de investigação, comunicação, gestão e rigor científico que devem ser transmitidos à Sociedade face a situações de risco, problemas relativos a patologias prevalentes, produção e consumo de alimentos, hábitos e estilos de vida, uso racional e risco/benefício associado ao medicamento e problemas ambientais vários, vg toxicológicos. Com a UC o aluno deverá ser capaz de: i) reconhecer desafios e problemas éticos na comunicação de Ciência em Saúde; ii) identificar as controvérsias atuais na abordagem ao grande público; iii) fazer uma reflexão crítica sobre o que se vê e ouve na comunicação social.

Conteúdos programáticos:

  • Gestão de crises e riscos em Saúde Ambiental – A comunicação em situação regular ou de risco,  com rigor e verdade, evitando o pânico  e aumentando a capacidade de decisão. Prevenção do risco e promoção da Saúde – mensagens em campanhas alargadas de sensibilização, ou para audiências específicas, requerem saber na transmissão, sem comprometer o rigor.
  • Alimento, Consumidor e Saúde – Informação e desinformação na área alimentar. Confronto entre ’modas‘ e ciência na alimentação. Processamento de alimentos, vantagens e desvantagens. Alimentos destinados a grupos populacionais com necessidades nutricionais especiais. Papel das Associações de Doentes no acesso à informação.
  • O ciclo do Medicamento, o seu papel na Sociedade e o papel desta na sua investigação. O envelhecimento, as patologias crónicas, a polimedicação, o uso racional e o risco/benefício a ele associado. Toxicologia e Sociedade – Temáticas emergentes nas áreas ambiental, alimentar, ocupacional, forense, e genética.

Metodologia de ensino:

O ensino realizar-se-á através de introdução teórica às matérias selecionadas, estudos de caso e trabalhos de grupo focalizados na apresentação de casos reais, seguida de debate. Por isso, em cada módulo da UC serão identificados os temas mais relevantes e/ou actuais relacionados com as matérias abordadas.

A avaliação da aprendizagem terá duas componentes: a contínua, baseada na participação individual em aula e nos trabalhos propostos (40%); e a final (60%), incluindo um trabalho monográfico e apresentação oral sobre um tema seleccionado pelo aluno, com base numa pesquisa bibliográfica e após validação prévia do docente. A discussão de cada trabalho é aberta a alunos e docentes, sendo moderada pelo docente responsável. Estes e outros critérios considerados essenciais serão definidos pela equipa docente, transmitidos aos alunos e acordados no início do ano letivo.

A avaliação do ensino será realizada pelos alunos, em cada sessão, através do preenchimento de ficha de avaliação própria.

Bibliografia principal

Alan L. The Gluten Lie: And Other Myths About What You Eat. Regan Arts. 2015

Carmo, I. Alimentação saudável, alimentação segura. Publicações Dom Quixote. 3ª ed 2004

Cooper, J.W. Food Myths Debunked: Why Our Food Is Safe. Fairfield Easton Press. 2014

Debarati, GS. Bridging Disaster Risk Reduction and Climate Adaptation Efforts and Strategies Venice. Italy. 10 -11, 2011

Hal MacFie (ed). Consumer-Led Food Product Development. CRC Press. 2007

Lembit, R, Budiono, S. Drug Benefits and Risks: International Textbook of Clinical Pharmacology, 2nd edition, Ed C.J. van Boxtel, B. Santoso and I.R. Edwards. IOS Press and Uppsala Monitoring Centre, 2008

Casarett and Doull’s Toxicology: The Basic Science of Poisons (Klaassen CD, ed), 8ª Edição. MacGraw-Hill, New York. 2013

Prüss-Ustün A et al. Preventing disease through healthy environments: A global assessment of the burden of disease from environmental risks. Geneva: WHO; 2016

Woog, A. Food Myths and Facts (Nutrition and Health). Lucent Books. 2011